Header Ads

Como se parecem os filhos de Deus?


"Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não se manifestou o que havemos de ser, mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele, pois o veremos como ele é.” (1 João 3.2)

Bem, segundo podemos aprender no texto de João, os filhos de Deus são reconhecidos por algo muito além da aparência exterior. O filho de Deus são pessoas marcadas pelo amor. São amadas num sentido que as torna unidas a Deus. São pessoas que estão firmemente crescendo na confiança neste amor. E porque são amados, amam. Os filhos de Deus de tal maneira são tocamos pelo amor generoso, perdoador, misericordioso e acolhedor de Deus que sentem-se influenciados a agir da mesma forma. Amor é a primeira marca dos filhos de Deus, entre muitas outras. Os filhos de Deus também são pessoas em processo, em transformação.

Embora filhos de Deus, ainda não se comportam o tempo todo como deveriam, sabem disso e estão sendo levados a mudanças. Um dia serão completamente tudo que deveriam ser mas, por hora, vivem os transtornos de sua ambiguidade. Do “já" mas “ainda não” desta vida. A consciência de que são amados, embora não sejam perfeitos, os mantem humildes esta é mais uma de suas marcas. Os filhos de Deus não se acomodam ao que ainda não são e nem se orgulham pelo que já são, mas vivem uma saudável inconformação consigo mesmos. Essa é mais uma marca. Mas também revelam uma bela disposição em compreender e acolher o outro. Eles não vivem de olho no erro dos outros! Eles não se colocam no lugar de juízes de quem quer que seja. Eles ocupam-se das próprias falhas e não das falhas dos outros. Os filhos de Deus são assim e são encantadores. Se cremos no amor de Deus e no que Cristo fez por nós, somos filhos de Deus (1 Jo 1.12-13). Mas, temos agido como filhos de Deus?

ucs

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.