Header Ads

A vida e as aflições


"Eu lhes disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo”. (João 16.33)

Às vezes tenho a sensação de que algumas pessoas não enfrentam aflições. Mas sei que não é verdade. Não há quem viva e não enfrente aflições. Certamente que há pessoas que sofrem aflições mais severas, atravessam terrenos mais perigosos e sofrem dores muito maiores que outros. Talvez uma das aflições é que as aflições não sejam distribuídas de forma que consideraríamos justa. Alguns passam por tantos problemas que tem a sensação de que tudo, no caso deles, sempre dá errado. Já outras são vistas como felizardas pois tudo parece dar certo. Assim é a vida. Não é como pensamos que deveria ser, mas apenas é como é. Como disse Jesus: neste mundo vocês terão aflições!

Mas há algo que devemos considerar: como enfrentamos as nossas aflições? Na busca por enfrentá-las e superá-las precisamos assumir nossas responsabilidades sobre elas, sempre que for o caso. Há dores que nos vem sem que tenhamos contribuído ou dado causa. Mas há outras que só nos chegam porque fazemos escolhas erradas, porque agimos de maneira irresponsável. Precisamos também manter a calma e o equilíbrio ao enfrentar aflições. O que não significava ser lento! Às vezes a aflição que chega exige rapidez de ação, pressa. O que devemos evitar é o desespero, pois ele nos impede de lidar adequadamente com as aflições. Há pessoas que, pelo modo como reagem, tornam-se um problema pior do que o problema que enfrentam.

Mas, sobretudo, devemos enfrentar as aflições confiando em Deus e buscando-o em oração. Paulo disse que não devemos nos deixar dominar pela ansiedade, mas orar, levando a Deus nossas súplicas. Fazendo isso, diz ele, desfrutaremos a paz que excede todo entendimento (Fl 4.6-7). Não podemos escolher uma vida sem aflições, mas podemos aprender a enfrentá-las da maneira certa. Podemos amadurecer com as lutas da vida. Podemos aprender a reagir melhor, a suportar as dores e a crer, reconhecendo a presença e a bondade de Deus mesmo no meio de nossos problemas. Não deixe as aflições vencerem você. Com responsabilidade, equilíbrio, atitude corajosa e confiança em Deus enfrente-as. Deus nos ama sabe de nossas lutas e pode usar todas as coisas para o nosso bem. Inclusive as aflições pelas quais passamos!

ucs

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.